Obra ajuda a entender melhor o sentimento de perda

Um Quarto Vazio mostra que a existência material não é a única forma de viver.

Para enfrentar a dor da perda é necessário entender como desapegar da matéria. Em Um Quarto Vazio, publicado pela editora Boa Nova, Roberto de Carvalho narra a história de um jovem assassinado por criminosos. Inspirado pelo Espírito Francisco, ele conta de que forma o rapaz foi recebido após a passagem, sobre as dificuldades do desprendimento do corpo físico e das angústias que sente.

Enquanto isso, a perda e o sentimento de culpa abalam a estrutura familiar dos pais do rapaz. De companheiros, transformam-se em inimigos que vivem sob o mesmo teto. Os sentimentos de dor, desolação, raiva e até mesmo negação, são esperados. Entre os seres humanos, não há possibilidade de encarar de outra maneira falecimento tão prematuro e cruel.

“(…) esses “altos e baixos” fazem parte da eterna aprendizagem do existir e que nenhuma experiência, seja de gozo ou de sofrimento, dura mais do que o tempo necessário para os devidos ajustes ao cumprimento das leis universais a que toda a humanidade é submetida, para a sua própria evolução.”

Neste contexto, Roberto de Carvalho fala sobre situações que levam criminosos a cometerem tais atrocidades e o que se passa dentro daqueles que perdem uma pessoa querida. Com muita propriedade são correlacionadas as situações que acerca luto, crime e futuro para quem continua vivo.

Em Um Quarto Vazio, os leitores compreenderão melhor as fases do processo de morte, as atitudes que podem ser tomadas e de que forma é possível entender que este acontecimento natural é necessário para a evolução do ser humano.

Um Quarto Vazio – Roberto de Carvalho, inspirado pelo Espírito Francisco

Um Quarto Vazio

Editora: Boa Nova
Formato: 23 x 16 cm
Páginas: 208 p.
Preço de capa: R$29,90
Compre no site da Boa Nova

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *